terça-feira, 29 de dezembro de 2009

terça-feira, 22 de dezembro de 2009

Gosto.

Gosto de falar do tempo, das coisas, de como a cidade mudou, gosto de perder a hora e ver que nada se atrasou, gosto de falar do sol ao se pôr que aos poucos me deixa ler no céu seus olhos, e tudo o que se foi; pra brilhar cada estrela que eu olhar, e eu só quero estar, habitar; o seu lado.

Eu, meus desejos e mim .

- Falando de alguém estranho? Ou seria esse alguém próximo demais?
- Olá?
- Ande, conte-me; onde estão seus limites? E as drogas que você usa, onde você as confidência?
- Eu? Não, eu não!
- Sim, você. Exatamente você!
- Você se enganou de novo, querida.
- Tenho certeza de que estou corretíssima!
- Impossível.
- Diria... Inevitável, no seu caso.
- Está certo, vamos direto ao ponto e deixe de ser tão esdrúxula ao falar debochadamente comigo, já que me conheces tão bem, respeite-me no mínimo!
- Pode ser, é... Deve ser.
- Quem é você?
- Onde estamos?
- Primeiro a minha pergunta!
- As damas primeiro!
- E quem disse que não sou uma dama?
- E quem disse que fui sincera?
- Está certo, desde o começo...
(E a discussão chegava sempre no mesmo fim)

Estávamos eu, mim e meu desejos; mim estava só, os desejos eram posse de eu, mas tudo dependia dela. E quem era ela?
- MUITÍSSIMO PRAZER, SOU A SENHORA SUA CONSCIÊNCIA!
Então estava tudo mais claro, eu falava comigo mesmo, passando informações à mim sobre meus desejos, e onde estava era simples, dentro de eu, ou será que de mim? Impossível saber, meus desejos eram complexos e enormes demais! E por ali o assunto se estendia.
Sorria, chorava, dançava no pano que jogaram no chão para que me sentisse passando sobre as nuvens que no meu paraíso habitava, e eu me sentia bem, comigo. Estava calma, de repente agitava, outrora mais inquieta; por fim, apagada, jogada ao breu, ao gosto doce de um fel saboroso, estranho não? Sim eu sei que sim. É fato! Abstrato! E o lado bom é o do gato que sempre está ''em pé''. E aqui por mim, me rendo, me jogo, me abraço. Eu estou cansada.
Mas a minha estrada segue almejante e meus desejos nela, eu em mim mesma.
Deixa pra lá, eu não estou dormindo; é só um papo com a cabeça. Por mim ... Eu.

Dedicado aos leitores!

Primeiramente me perdoem pelo descuido e o desleixo de terem os deixado, me perdoem por ter sido tão indelicada com o universo paralelo de cada um e ter simplesmente desaparecido, mas houveram problemas complicados com a merda do orkut etc, enfim ... estressei e abandonei isso aqui; mas estou voltando, e quem estiver disposto a continuar me seguindo e lendo minhas propostas tão banais e as vezes (quase sempre) meus delirios nada compreensivos; estamos aí, pr'o que der e vier.

Milhões de beijos e obrigada por existirem e compartilharem os vossos mundos comigo *-*

Jana :*

Falem comigo, rs.
janainapala@hotmail.com

sábado, 12 de setembro de 2009

E se a minha saudade matar?

é, e se a saudade que eu sinto matar? quem está sentindo sou eu !
é, e se comigo for diferente, e se... e se...
que inferno, eu não pedi muito eu só pedi você aqui, pra poder te sentir, pra poder te abraçar e sussurrar ou até gritar quantas vezes for preciso que eu te amo sem limites!
que droga de saudade é essa, será que a vida me detesta por me colocar tão longe assim de ti?
mas um dia eu espero que desenvolvam o mistério e me dêem as respostas concretas, e eu serei discreta pra lhe mostrar que é concreta a minha prova de amor.

geralmente...

O ser humano se acostumou tanto com a decepção não é? seria pelo fato de que o mundo todo se decepciona ou mais pelo porém de que tudo é decepcionante, sabe acontece sempre quando a gente esquece que os erros existem, a gente pode se programar e as coisas darem errado, é aí que a palavra "decepção" entra no seu cotidiano, interessante? não, eu sei HAHA'
O tempo "voa", a gente cresce; amadurece e nunca esquece quando a decepção fora profunda demais, um amor não correspondido, a "mancada" de seu melhor amigo, eu acho que o mundo devia parar pra pensar, pensar pra depois agir, mas não pensar demais, apenas pensar o necessário; afinal o que seriamos se o mundo fosse perfeito? Caiamos na real, como diria Caetano e eu profano a letra de que "tudo muda o tempo todo no mundo", afinal se é perfeito, não há necessidade de mudança, e se há mudança há também a necessidade da busca da perfeição! Mas... o que é, onde fica, será que podemos saber sobre essa tal "perfeição" ?
porque se o que é perfeito não muda, o mundo é imperfeito, então pra quê morremos? a morte seria a perfeição? acredito eu que não, e se você pensar que sim, olhe pelo ponto de vista da reencarnação; se reencarnamos, então é sinal de que NUNCA alcançamos o perfeito? estranho, estranho demais. Pare. Pense. Reaja. E depois venha para "batermos um papo".
Se Renato já disse quem mais "irá dizer que não existe razão nas coisas feitas pelo coração? E quem irá dizer que existe razão?"

Eu mudo o tema, formulo o poema e vivo feliz como tiver que viver, me sinto feliz por estar e crescer, é eu me sinto bem assim.

um pensamento quase qualquer .



... digo que a filosofia da vida se basea não quando estamos loucos e alucinados, mas quando precisamos descobrir que somos loucos sem alucinação; que a normalidade é banal e detesta o homem, é fatal a falta de criatividade; por isso, eu escrevo.

quarta-feira, 2 de setembro de 2009

se você estiver comigo.

vem, vamos fugir pro infinito; quero te mostrar o lugar mais bonito; então vem porque eu quero você do meu lado pra gente viver abraçado como num amor sem fim; vem comigo, prometo te dar abrigo, te dar sonho, e não te deixar chorar; vem comigo que não te dou castigo, pelo contrário formaremos um lar; hey vem comigo que eu quero casa, filhos, sorrisos; e prometo não te abandonar, vem porque o amor que sinto nada pode superar; vem porque de ti não esqueço e por ter entrado na minha vida agradeço e nem sei como te presentear; vem pra cá na minha festa, que é longe do que tu detesta e prometo que vais amar; vem que eu te quero a todo instante e ao som de mil auto falantes eu quero gritar; eu vou gritar, e se o mundo puder me ouvir quero mostrar e não desistir, eu te amo e pra sempre vou te amar.
<3

segunda-feira, 10 de agosto de 2009

abstrato

Tomou conta do meu ser a cota de falta de paciencia; tomou conta do meu ser a abstinência; em abstinência do que, não sei, talvez do alcool, talvez do cheiro, do sabor, do sexo, na verdade estou em abstinência de você; talvez.
A falta que me faz é abstrata, barata; sentada, só; num desvaneio sem fim, buscando o que vejo que não se vê, e assim; perdendo pouco à pouco, tudo de mim, o que será de mim? o que será de mim? tenho que crescer, pra não me deixar viver assim. Me canso dos barrancos e nas descidas me embalo, o vinho no gargalo; bebo, o cigarro largado queimando atoa no cinzeiro, parei com os vícios baratos, parei com a idéia de seguir conselhos fracos. Desisti das pessoas fúteis, elas não me servem pra nada, gosto do útil, do reciclavel, por mais que o reciclado não cheire novo, eu gosto do que se pode reutilizar, por um tempo fútil, com pessoas úteis, confundo o mundo, sujo o limpo, deixando imundo, caindo em pedaços, entre beijos e amassos, o suspira; respiro, me tocar já não me satisfaz, meu corpo acumulou muito gás e eu preciso de você pra estar leve, anda tudo acumulado, cansado, quebrado, louco, alucinado, e eu nem sei explicar; a vida virou moeda e uma palavra te faz girar, o papel trouxe a queda e ninguém tratou de se importar, quem é? quem é?
Durante sua vida toda, seus 15 anos esperou, a data tão querida chegara e ela já não queria mais, ela gostaria de estar sentada, bebendo na calçada, mesmo que desesperada, preferia estar; cresceu e andou se arrependendo, sofrendo por ter que ser responsável, bobeou; caiu, dançou; partiu, a paixão à dominou e ela agora só pensa naquela que à completa, sim; confusamente simples assim.
" -Feliz aniversário, tudo de bom porque você merece viu!
(ela responde com um sorrisos e um abraço...) - obrigada mesmo! "
no fundo é tudo falsidade ela apenas desejava que fosse menos criança, ou que fosse mais criança porque crescer e ter menos importância, crescer e ser menos princesa para às pessoas é dificil, me sufoca de certa forma, mas ela está ali, pra me dar o ombro me beijar lentamente, e me abraçar forte e suficientemente devagar, me fazendo engolir o choro e suspirar, amando; sim amando, por mais que a distancia me faça sofrer, o amor é suficiente no instante, no momento, nas memórias do agora; na hora, isso; exatamente.
E quando você crescer, vai entender que dói o suficiente darem menos importancia pra gente.

Do inferno ao paraiso, eu busquei o teu sorriso;
E hoje o que me completa é tudo o que preciso;
E onde você estiver, não se esqueça de mim.

segunda-feira, 3 de agosto de 2009

tranquilamente.

Eu espero que ainda dê tempo de me justificar, espero ser pra sempre como eu prometi tentar; espero o tempo que for preciso pra nunca te deixar; acho que seria estranho se eu não confessasse o quanto é brotescamente gigante meu amor por você, estranho, é; estranho. Mas o fato de te amar me satisfaz, me tranquiliza, me tira e devolve o sono, me dexa tão bem o fato de ter você aqui, é simplesmente indecifrável tudo o que você faz existir ao nosso redor quando está por perto; eu posso nem sequer saber quem sou, mas a minha vida você guia com o teu olhar e ao sentir o teu toque sobre a minha pele é aí então que não resisto, não vivo, não controlo tanto desequilibrio corporal, por mais que minha mente mantenha-se sã o meu corpo treme quando colado ao seu, desequilibra, enlouquece e já não obedece nenhum comando que o cérebro tente fazer; mas não é só isso, é necessário ter você aqui, sentir você aqui, porque como o ar você é vitalidade pra mim, e só você aqui me faz... completa.
Que meus pés não precisem sequer tocar o chão, que minh'alma não tenha sequer pra onde ir, mas que você esteja aqui, por favor, esteja aqui. Sempre que eu gritar teu nome, esteja comigo, sempre que eu perder a fome, esteja aqui, por favor, aqui, comigo; eu preciso como ninguém ter pra sempre o teu abraço, esmagada nos teus braços e chorar vendo teu sorriso, chorar por estar vendo, por estar te sentindo, porque realmente a distância é terrível, é incurável a dor que eu sinto misturada com a saudade, a vontade de ver-te todos os dias, de tocar-te todo o tempo, e de beijar tua boca sempre como se fosse a primeira vez; o gosto de menta que não vai me escapar dos labios, a sua pergunta boba quanto à marca do meu chiclete, o gosto do teu beijo, quente, leve, pesado, aquele que me alucina de fato; não há como descrever momento algum, são só desejos, puros, insanos, tímidos e preenchidos pela obscessão. Não tem cura, é amor.
E eu que até ontem acreditava que não crescer era possível, hoje vejo que é perfeito ter a mente madura pra poder explicar as sensações; e eu que até ontem dizia que os contos de fadas eram pra sempre, sem descobrir o quão melhor é um amor para a eternidade.

Eu prefiro que não tenha nenhuma explicação.



Toda rosa é rosa;
porque assim ela é chamada.
Toda bossa é nova;
e você não liga se é usada.
Toda escolha é feita;
por quem acorda já deitado.
Deixa eu brincar de ser feliz,
deixa eu pintar o meu nariz.
(Los Hermanos - Todo carnaval tem seu fim)

quinta-feira, 30 de julho de 2009

Igual .

A rotina da pele, o toque.
A rotina da música, o rock.
A rotina da noite, sonhar.
A rotina do dia, brilhar.
A rotina do sorriso, são os dentes.
A rotina do sol, quente.
A rotina do corpo, a mente.
A rotina da árvore, o balanço.
A rotina do olhar, o avanço.
A rotina da chuva, água.
A rotina da vida, nada... ou tudo o que você sempre desejar.
A rotina... rotina... rotina... e o que é a rotina se não só o auxílio dos vicios? rotina.


é sempre a mesma coisa, é sempre tudo igual; rotina.

abraço.

Você já foi abraçado?
É, abraçado! Mas abraçado de verdade, um abraço dado no momento certo, aquele abraço que você suplica que não seja apenas um abraço, é. O abraço que o vento te deu, o abraço que o vento aperta bem forte e apenas sussurre, sim um abraço do vento; você nunca foi abraçado pelo vento? ora, mas que falta de vivência!
Não me diga que também nunca sequer chorou na rodovia, ou gritou até se sentir aliviado com o caos, você realmente nunca viveu de verdade? então me diz... O que faz aí sentado, lendo esse post? Quando deveria estar sorrindo, observando o quanto você tem pra viver, e não travado na frente de um computador, pensando que sua vida está dentro dele, quando na verdade sua vida está no seu interior, e o seu interior é externo.
Olhe pra você agora e conte para a sua mente se o seu coração se apaixonou, faça com que a sua razão perca um pouco o controle sobre você, viva, sorria, grite, chore por dor, alegria, deixe seus olhos brilharem e depois conte à você mesmo se a tua vida é de verdade!
Depois espere o tempo passar e corra atrás dos teus objetivos, canse; porém, não desista, nunca.
Não deixe o tempo, a tua própria vida te tirar a vida, encontre o que o ser humano chama de amor e demonstre-o, pra quem precisar ver, independente do que seja o fisico, o que importa é a personalidade que lhe interessa; e mais nada, mais ninguém, absolutamente ninguém precisa viver a tua vida então não deixe que as criticas te abalem, viva, sobreviva, respire fundo e continue, sempre. Dentro de tudo que cabe em ti, olhe ao redor, terás alguém esperando.

Viva o quanto puder ao lado de quem precisar, é isso.
Se abracem, forte e sintam o que eu disse.

domingo, 5 de julho de 2009

será que bebada eu escrevo coisas com sentido?

na verdade
conclui que nem tudo é em vão.
mas não custa pregar aquela puta peça na vida
mandar geral tomar no cu e ser feliz. rs
Dica: não o faça.
não que vá se arrepender
mas eu sei que depois voce vai ficar largado no sofá
querendo uma rempa ali pra fazer um fundue dos bons
ver um filme, fazer um puta regaço
e não vai ter ninguém porra!
se toca, hoje é domingo, e quando voce cansa das pessoas
seu domingo torna-se pior do que a segunda feira.
é eu sei, uma merda, mas funciona assim sim --'
mas lembre-se de preocupar-se mais com você
e não se deixar ser pisado,
não deixe que te ignorem, te passem pra trás.
você vai cansar disso,
e aí você vai poder olhar,
dar aquele puta olhar profundo,
logo que encontrar a pessoa
e com aquele tom bem suave
avise que a unica coisa que você precisa dizer é:
então foda-se :)
daí pra frente as pessoas vão falar muito de você
o tempo vai te ensinar
e pricipalmente pr'aquele ser que dizia que voce não era bom o bastante
as noticias sobre você vão vir à tona
e você ja vai ter cansado de chorar
e as coisas vão ter passado
e você vai rir, é rir.
e denovo num reencontro
dou-lhe mais uma chance de dizer,
na verdade por estar cansado de esperar
você vai gritar:
então foda-se.
um domingão cheio de tédio pra todo mundo, beijos :*

quinta-feira, 25 de junho de 2009

Felicidade de vagabundo.

É tirar DEZ sabe o que é? DEEZ isso mesmo, DEZ .
mas não qualquer dez por ai UM DEZ EM FISICA ; sem se matar de estudar, claro ;)


KSMALKMLKSMLKSAMLKSAMLKMSALKMSAKM'

Talvez um dia tentem me compreender :)

quarta-feira, 24 de junho de 2009

células do meu sangue.

Naquela noite,
beber o sangue me foi indigesto.
Desceu-me ardendo, queimando; incômodo.
Fora diferente desta vez;
como se o vinho fosse rim para o alcóolatra.
Minha gargante fora arranhada pelo próprio sangue;
o sangue me descia a fio.
E ao fio da navalha gargalhei!
Aquela gargalhada me fez sentir o sangue;
o mesmo que me fora indigesto naquela noite.
Conta-me, beija-ma; seca-me.
Entra em contato com meu corpo e toca-me;
faça com que o mundo caia num breu.
E que o sabor do féu seja o sabor mais doce;
sua vida? viva.
Caso percas a vontade de viver; destrua-a.

talvez virasse canção.

Todos os meus sonhos
estariam perdidos
se eu buscasse
razões em você.

Minha simples vida
perderia o sentido
se eu me isolasse
pra tentar te esquecer.

Você me magôou
mas eu inocente
à pouco tempo ainda pensava em você.

Nenhum de nós errou
mas eu sei
que foi injusto não saber por você!

Livre; agora vou viver minha vida...

entende que depende?

Tudo depende, sabe? É, depende ;x
Depende de quais são seus objetivos, desejos enfim...
Tudo depente! Depende de como te tratam, de como te olham, dos teus sonhos, objetivos, afinidades.
Depende.

na busca de nada.

Como se não lhe dessem atenção;
sozinha, caminhava; sozinha chorava.
Em paz com o mundo;
Em guerra consigo mesma.

Que horror, que ridículo...
Talvez seja estranho sofrer, e gostar;
Estranho apanhar e sentir um prazer imenso.

No auge das dores, se apaixonou;
por tudo, por nada.

Ninguém mais, sem nexo.

Trouxas; dementes!
Tiros, facadas, degolações: gemidos.
O fim, a dor, o prazer.

Desgaste.
Gritos, sorrisos, amores, flores, cores!
Sentir, sorrir, arder, sofrer;
Doer,
e amar.
Gemer; gritar.
Foi o prazer... prazer.
Mais uma dose; sem gelo, por favor.
(vou dedicá-lo a thaís, ela disse que gostou mesmo)

sexta-feira, 19 de junho de 2009

Gargalhe frente ao fio da navalha.

"Dou-lhe escolhas, mostro-lhe caminhos, faço-lhe sonhar.
Sei dos riscos, entro no jogo, vim para ganhar."

Ultimamente tenho notado o comodismo do ser humano; o quão tem sido prático não reagir a nada mesmo que o encomode. É claro que é mais confortável sentar-se e esperar o mundo; é absurdamente cômodo seguir os fatos apenas mentalmente, cansa menos; vocês se esforçam menos, não obrigam-se a pensar tanto; sendo assim, podem passar o dia, a tarde e a noite toda alienando-se cada vez mais, abobalhando-se momento após momento frente à um computador; e quando cansam da "difícil" vida que levam caminham por aí durante cinco minutos a sós e mentalizam a falta de amor, com a crença de que ninguém se importa contigo; depois? depois como fracos se matam, rendem-se à própria fraqueza, ao próprio comodismo. Sim, cometem suicídio.
Porque de nada adianta se depois de tanto tempo sem tentar melhorar um pouco que seja, quando apontarem-lhe uma navalha tu render-se à morte; de nada adiantaria meu caro, nada. Acredito eu que se és forte e corajoso, quando à navalha chega à frente dos teu olhos; deveria tu gargalhar ao fio desta, sem medo do que o futuro lhe pregarás; se tua parte já fora feita, não há do que fugir; gargalhe com vontade e sem medo, feliz.
Reclamam tanto de tudo e não agem em busca de nada, brigam tanto, tanto com o próprio eu; criticam tanto as pouquíssimas atitudes da pouca população que busca a melhoria. Criticas, criticas e críticas; tantas estas sem atitudes... Meu caro, se tu não ages porque motivos reclama? Se nada fazes, diante de quais situações crê que podes palpitar?
Não meu amigo, não é assim que as coisas funcionam; não é assim que o fluxo do mundo acontece. Pouco à pouco, as pessoas conquistam seu espaço com muito, mas realmente, muito esforço, não é qualquer coisa que faz com que tu possas ser um bom cidadão; tens de lutar por esse pódio. Mas enfim; gostaria de pedir à você, meu querido leitor, que não abandone tuas expectativas, que não deixe que o tempo passe a ponto de que não possas mais agir diante de todo comodismo do ser humano, não pare; por favor, não pare.
Mesmo que hajam somente sonhos em tua mente; não pare sequer de sonhar, viva; busque tua liberdade e por favor não assassine o mundo em que vives; melhore-o. Poque toda melhora parte de nós mesmos, e se cada um de nós evoluirmos um pouquinho que seja; o mundo também evoluirá.
Acredite.

Lembrete: o sorriso é a tua cura; e a alegria tua válvula de escape.
E o amor? É principal ator coadjuvante de toda filosofia de vida.

quinta-feira, 18 de junho de 2009

abandonando meu ego.

Abandonei meu ego; tornei-me egoísta, egocêntrica! Mas abandonei meu ego; ah mas quem diria, uma louca falando de ego, ah mas quem diria.
E o modo de raciocinar das pessoas vem ficando cada vez mais baixo; os vestibulares mais fáceis e cada vez mais os adolescentes emburrecendo.
Tem gente que esquece que pode mudar a porra do mundo, tem gente que grita tanto e não faz nada; então eu abandonei meu ego pra lutar com a minha melhor e mais pura dignidade e poder assumir de verdade o quanto é nescessário a pureza do olhar do ser humano; é essencial a cura, é útil a mistura e principalmente é falta de pretesto não assumir que você é mais uma marca rotulada, mais um vinho barato.
Eu vejo tantas imagens em apenas um pedaço de espelho, vejo um vinho barato, um cigarro no cinzeiro, uma cara embriagada, uma garota aloprada, um nerd, um senhor direito, uma boneca com defeito, uma menina chorando, uma criança brincando, uma mãe em desespero, e eu ainda estou louca enfrente ao espelho do banheiro; meus lábios tornaram-se um labirinto de palavras, e atrairam os instintos mais sacanas, um olhar; um dom obscuro que só tem àquela cigana que passa o dia reclamando, que passa o dia rogando pragas, ou pedindo esmola, fazendo de conta que já não enriqueceu. Oras; era só o que me faltava eu sempre fugir do assunto, é eu fujo e volto, eu fujo e volto; é como vicio a escrita, não escrevo no blog todo dia, mas escrevo sempre; desabafo, explico, até mesmo minha mente escreve, digita, e acha interessante a excitação que tenho em explicar as coisas que penso; mesmo não sabendo explica-las.
Ah esse meu egocentrismo, ah essa minha bandidagem... que tal tirar umas férias do seu nervosismo, que tal passar um tempo só com o seu psicológico; fugir pro's braços de quem você mais confia, fugir pra'queles que você mais ama... viver.
Com calma, confiança, segurança e todo amor que for preciso; viva, viva... nem que tenhas que entrar para uma sociedade alternativa, viva; lute por ser quem tu és e viva.
O mundo precisa perder a palavra ego do seu vocábulário, o teu ego não importa, o teu ego não é nada! O que importa é a compaixão, a paciencia, o carinho.
Então segura na minha mão e vamos adiante, sem medo nenhum de buscar o que é a felicidade ...

love things.

se você acredita; ah se você acredita não sou eu quem vai mudar sua crença, se é seu desejo continuar acreditando; eu fecho meus olhos e aceito que você acredite.
mas sempre deixo claro que a minha imaginação não me deixa crer no mesmo que você, mas existem muitas coisas, e muitos tipos de explicações.
e está noite eu não quero mais nada, não quero acreditar em ninguém; apenas ter você um pouquinho mais perto e acreditar que tudo é bom de verdade, acreditar que todo mundo está errado e que ao mesmo tempo todo o passado sumiu, agora seremos eu e você num sonho, numa crônica do sonhar; de mãos dadas não acreditaremos em mais ninguém, em mais nada; apenas na nossa canção que o nosso próprio coração compôs; para que nos amassemos; eternamente.
e se você acreditar em mim agora; eu sou tua pra sempre, é só acreditar.

desprover de sabedoria aguçado.

E esta noite eu senti ardente meu rosto; tinha também um ardor constante em meu olhar, senti algo queimando minha pele ao fugir dos meus olhos; eram lágrimas. Não sei se de medo, dor ou angustia, mas estava tudo bem, até que começou a queimar minha mente, minha alma.
Olhando no espelho vejo marcas destas lágrimas, ácidas de ódio, queimaram-me de saudade, corroeram minha face com toda força e mudaram meu ser, me olho no espelho e já não me reconheço mais.
Momentos em que tentei lutar com toda garra, e me faltou veneno para poder terminar a chacina, doeu no meu ser a falha que tive; doeu em mim saber que nao pude ser tão capaz, mas eu superei, e vou superar, nem toda guerra está perdida, e nem toda morte é o fim da vida.
Lágrimas quentes desciam minha face, o ódio frio e calculista me controlava por dentro e meu modo de agir mudava pouco a pouco a ponto de querer toda morte, eu já não podia, não tinha noção de controle algum, apenas agir e agir tinha como objetivos, depois? depois eu queria a minha vida bem, quem sabe chegar ao encontro de um sono profundo a ponto de que eu pudesse passar um ano sem acordar e talvez quando voltasse à minha vida, as melhores tivessem sido conquistadas, não por mim, claro.
Comodismo eu sei, mas eu já não tenho paciência com as pessoas, elas me irritam por serem burras!

Sim, pessoas burras me irritam. Não, eu não estou falando de burrice no sentido de exemplificar o porém de que só por uma pessoa não tirar nota ela será burra ao meu ver; pelo contrário. Estou falando de burrice intelectual, ah isso sim me irrita, mesmo! Toda essa maldita futilidade das pessoas, que julgam suas mentes como mentes sã; e então observando esse auto-julgamento que fazem com suas mentes concluo que prefiro me matar com as coisas prejudiciais, perdendo 1000 neurônios diários à aceitar ficar igual à tantos idiotas.
Por mim? ah, por mim o mundo poderia explodir!
Fodam-se, ah meus queridos; fodam-se. Foda-se o mundo, o universo, por mim que tudo se acabe, que tudo termine, foda-se.

E o que eu mais quero? MUAHAHA (6)' eu quero mais então é conviver com os loucos; louco não, louco é pouco, quero viver com gente que conhece a vida e que sabe vivê-la; estes que vivem idependentes de um bando de frouxos; quero mais é que se fodam o frouxos!
Não vou fazer exceções, quero mais é que morram, porque existem pessoas que se julgam normais e realmente a normalidade fugiu da cota; enfim, prefiro mesmo o fim destes desprovidos de pensamentos.
Ah se eu pudesse, ah se eu pudesse; escolheria matar à todos, libertaria e liberaria minhas verdades ao mundo. Eu realmente gostaria de esclarecer o quanto o nervosismo tem dominado o meu ser, e já não sinto vontade de me acalmar, apenas tenho incontroláveis desejos de sumir, desaparecer as vezes, não sempre; fugir o mais distante possivel de tanta ignorância.
Tanta pobreza de conhecimento; ingenuidade quanto à tudo e eles ainda insistem em achar graça quando falam de sexo; ah me poupe, é SEXO meu, S-E-X-O.
Não tem graça, um dia todo mundo fará (inclusive eu -rs); mas porra; enfim é só sexo, temos idéia e uma grande noção de como acontece, é sexo e pronto, não é engraçado, bom; não pra pessoas que estão no 1º ano do ensino médio; eu até ficaria quieta se eles achassem graça e estivessem sei lá; na 5ª série, mas não estão --'
Porra, tá na hora! Na verdade, já passou da hora dessas crianças crescerem mentalmente e pararem de pensar em evoluir somente o físico; que saco --'

Sem beijos, sem abraços ou queijos.
Fodam-se e pronto :]

terça-feira, 9 de junho de 2009

estou tão descontrolada...

controlando o que eu nem posso sentir.
















(preciso fugir daqui)

o diário de um só dia.

COMPREENSÃO ...
maldita compreensão que não me aparece, malditas imperfeições que em mim só crescem.
dói, ah como dói de verdade o porém de que tudo andou complicando, as provas, as matérias...
não que eu não pense no futuro, eu estudo, mas não em casa porque não consigo!
não consigo me concentrar quando fico em casa, é muito dificil... então eu geralmente sento com alguns amigos, na mesa da escola e passo um tempão fazendo minhas tarefas e recaptulando tudo... (eu sei que esse post tá "futil" mas eu precisava desabafar, e meu blog foi o unico lugar que me senti segura o suficiente pra escrever; falar tudo sobre o que me prende no momento).

não isso não é o depoimento de uma viciada, não; isso não é nenhum texto ou carta de alforria, e eu não sou depressiva, só não estou bem; agora.
agora que achava que meus pais compreenderiam o fato se eu explicasse as minhas dificuldades, pudera... agora que eu começava a crer que por algum momento iriam me ouvir, conversar sobre minha vida, sobre como estou, comigo; não tá tudo sendo o oposto, o inesperado, eles estão ocupados e estressados demais com o trabalho, brigando com uma garota que eles por acaso colocaram no mundo, que amam, mas que sente a falta da atenção que eles teriam que dar a ela; não peço que grudem em mim, apenas que me ouçam sabe?!
não sei se todo mundo me compreende... n'outro dia, num debate sobre familia na escola eu estava na mesa principal, onde eu fiz questão de estar debatendo entre todas as questões e em algumas delas deixar explicito falta que em determinados momentos meus pais fazem falta, pra me ouvir, pra ter um momento de paz, um segundo sem minha mãe gritar comigo porque eu deixei meu quarto desarrumado (como eu gosto) um milésimo de segundo sem meu pai berrar que eu estou atrasada, que ele é meu escravo... porque eu não enxergo assim, eu não vejo as coisas assim, e tudo eles se rebaixam, dizendo que eu faço o que quero de cada um E DEFINITIVAMENTE NÃO É ASSIM... a minha familia tem tudo pra ser maravilhosa e perfeita, só falta cada um aqui ACEITAR seus defeitos e MOSTRAR PARA SI MESMOS que estão errados algumas vezes... doeria, machucaria tão menos a mim, se as coisas acabassem mais estáveis, se me ouvissem um pouco e complicassem menos dizendo "EU MANDO AQUI E VOCÊ NÃO TEM DIREITO DE CONTRARIAR; QUEM GRITA SOU EU" é claro que eu contrario, não estou certa sempre, mas poxa... compreender-me as vezes, não digo sempre, só as vezes... é nescessario ):
chega de contar meus internos "segredos"; eu sei que ninguém lê o blog mas quem sabe dê em merda todo esse rolo... FAMILIA? É UM ASSUNTO COMPLICADO (y)'

caro leitor; boa sorte com a sua :*

sexta-feira, 5 de junho de 2009

assim como o ar; me parece vital.


não me peça para lhe dizer se acho bom, ou mal; é como o oxigênio que nescessito, vital pra minha sobrevivência! Ah por favor, não questione-me sobre quem, ou o que; apenas tente me compreender mesmo sem entender, uma unica vez.
gostaria eu de ter explicações e razões para todo e qualquer acontecimento, mas me desculpe; o mundo é tão estranho e as pessoas mudam tanto, não há como saber o porque de tudo, realmente; me desculpem pela falta de respostas, pela mesa mal posta e por todas as manhãs ter uma cama bagunçada; me desculpem se ninguém é normal...
é; vou falar sobre normalidade, o que acham? louco não?!
como você pode dizer "eu tenho um amigo louco, ele faz cada coisa"... espera! Qual o seu conceito de normalidade? não, absolutamente não é assim que as coisas fluem! Não à meu ver, se bem que tenho varios "veres" (?) - rs
NINGUÉM nesse mundo louco é normal, cada um com o seu conceito de normalidade; não é porque NEM todo mundo faz que não é normal; talvez aquilo seja normal e o que a gente insiste em fazer não seja! Hey! acorda; é o mundo, é o universo em mudanças constantes, aceite; ou não mais te aceitarão.
Acredito eu, que não devemos interferir no ponto de vista de normalidade de cada um; quer um exemplo? há um século a maconha não era 'nada' em excesso no cotidiano do ser humano, e hoje? cara, hoje em dia você vai pra qualquer canto e TEM GENTE FUMANDO UM BASEADO e provavelmente tem alguém na sua turminha que usa e voce nem se toca disso; TORNOU-SE normal, não é mais espantoso demais, é raro aquele que nunca provou compreende? ;)
antes? loucos aqueles que usavam; hoje? relaxa, é normal :)
aprendi então a me acostumar e a conviver com o que é normal pra cada um, o "senso de normalidade" é algo estranho e completamente flexível, é completamente inconstante! Já me habituei a isso! :D'
E pra falar a verdade, prefiro assim; prefiro que tudo gire, saia do seu "comum/normal" lugar, quem sabe assim o preconceito diante de TUDO diminua pouco a pouco, claro; o ser humano precisa "lutar" contra isso, mas com o tempo; as coisas se encaixam, nem que "tudo esteja errado" talvez pra alguém "tudo seja certo", cada um com a sua normalidade e assim por diante. :)


To a people very special for me <3

"Diga à sua mãe que está saindo


Diga ao seu pai que nós já vamos


Diga à todo mundo deste país


' Tem uma festa acontecendo! '


Agora chegue um pouquinho mais perto, e me deixe abraçá-la; bem forte."


(L)

sexta-feira, 29 de maio de 2009

magia.


É tão intrigante, interessante se conhecer por dentro.
todo mágico conhece bem sua cartola, assim como mágico temos o papel de nos conhecermos por dentro não é?
O que seria de mim se não soubesse um pouquinho do meu ser :~
Onde estariam todas as minhas cartas de amor que enviei mas guardei dentro de mim, como saberia eu se estariam organizadas à meu modo se não me conhecesse?!
É, não é tão simples; dói, dói mesmo, mas faz bem conhecer-se *-*
A vida dá-lhe um céu azul anil todas as tardes no brasil, o mundo abraça-lhe carinhosamente quando você chora por dentro, e sem nem se quer que percebas, você é notado por quem bem lhe quer.
Depois dizem, andam, caminham, choram por aí comentando consigo mesmo que não há amor pra você, oras; pois contrario tu, mostrando agora que és o culpado por não notar o quanto amam-lhe e tu que não percebes.
Como recuperar um amor que apenas você sentiu, dormir de volta as noites que mal dormiu, sorrir só agora os choros que deu; não, não compensa voltar ao passado e tentar concertá-lo, você tem um mundo lindo para observar, tantos sorrisos pra dar... HEY! o presente está ai, você não pode ter tanto tempo pra ficar voltando ao passado, é melhor viver o agora; dar-se uma chance denovo sem ter que voltar, voltar e voltar; viva, apenas; mas que seja à seu modo.
Não vale chorar por amores, mas choramos, não vale lembrar o quão foi bom com aquela(e) sendo que você tem outra(o) agora, não vale apena, não vale, se você está agora, se gosta mesmo, porque voltar no passado... PASSADO vem de passar, e tudo o que passa não volta, não do mesmo jeito que fora algum dia, o passado foi, o presente muda sempre, e o agora não existe porque assim que digo-lhe: "Fiz este texto agora!"; o "agora" que acabei de dizer já passou, não é mais agora, já tornou-se passado e não vale tão mais apena do que um novo agora, tudo sempre muda, tudo diferente o tempo todo, mas só quando um longo tempo passa é que percebemos verdadeiramente as diferenças. É complicado, eu sei; compreendo.
Alguns dias eu paro e olho pro céu durante as minhas caminhadas pra tentar entender a realidade das coisas; busco, olho, reparo, detalho, gravo, fotografo mentalmente e dia após dia descubro que o mundo não passa de magia e cada vez mais cada um formula seus ideais independentes.

quarta-feira, 27 de maio de 2009

insanidades .


Julgue-me mas tenha seus motivos, não precisa nem demonstrar; mas tenha-os mesmo que para si mesmo.

Não me importo nem tenho medo do que pensem sobre o meu ser; e ao meu ver ego é algo que o mundo inventou, algo que faz com que o ser humano torne-se tão 'ego-ista'. É tolo, sem nexo, talvez com um nexo breve, quem sabe.


Conheço poucos lugares,

porém conheço muita gente.

Ando com muitas pessoas,

porém não confio nem na metade delas.

Essa minha vontade de gritar,

essa minha proibição de ego.

É tudo tão claro,

tudo tão raro.

E de repente tudo embaça,

como espelho de banheiro após o banho quente de inverno,

como a neblina da droga na praça.

Com o tempo aprendi a me virar sozinha,

e se eu te der apenas linha é porque vou te abandonar;

mas se eu lhe dou minh'alma é por querer você.

Com o tempo aprendi que ser criança é descobrir o mundo,

e ser adolescente é sobreviver à ele;

independentemente dos conceitos e preconceitos.

É tolice? talvez.

Talvez até um pouco utópico.

Mas são os meus planos,

meus, apenas.


Confesso há dias em que acordo acreditando que tudo é tão indiferente, então percebo mesmo que todo dia anda sendo igual, mas talvez um dia mude, ainda mais pelo fato de eu ser tão inconstante; quem sabe o amor tenha chegado ao final, quem sabe.

Não vou dizer ''tudo é banalidade'', sempre existem surpresas, mas eu gostaria de mais que isso.

Sim, eu exagero! Um pouco do exagero? é vaidade. Eu não te dou sossego, e por isso não me deixo ficar em paz. Nem tudo o que falei pro mundo ouvir, sou capaz; mas eu acabei sentindo falta de você pra me proteger :~~

Não vou ser dona de nenhuma verdade, e eu sinto sim MUITA saudade, mas então quem sabe eu não passe um tempo longe de tudo isso e pense um pouco melhor, pra não roubar teu tempo precioso, que eu ja roubei demais. Talvez eu volte e volte cedo; ou não volte mais :/

Aos poucos fui ficando sem saída, senti um vazio por dentro e descobri que era falta de você.

É, você ;~~

E se me perguntarem se ainda te amo, nego até onde puder, porque não sei mesmo.

Mas acho que sim, acho que quando eu dizia '' eu te amo pra sempre'' sabia bem que não iria acabar dentro de mim tão cedo. Dói, é complicado, cheio de detalhes e dificuldades, sim é tudo tão confuso, mas espera, quem sabe um dia eu não canse das esperanças que eu me dou, e passe a acreditar que acabou, pra sempre.

É isso, por hoje chega ;~~

domingo, 24 de maio de 2009

meninas são tão mulheres.


as vezes muitos julgam coisas fora do comum, julgam que por não ainda ter uma certa idade você é sempre a criança, a infantil da história.


é tão preconceituoso isso, tão 'estúpido'; havemos de convir, em pleno século XXI idade DEFINITIVAMENTE não é sinônimo de mentalidade, não; idade não define porra nenhuma, a não ser o fato de você ser barrado em alguns lugares (o que nunca aconteceu comigo) mas não vem ao caso :}


sabe, quero mudar, viver na minha sem ninguém ter que olhar nos meus olhos e dizer: "você é muito nova pra isso"


Inferno! ;@


se liga, dependendo do ponto de vista eu tenho certeza de que minha mentalidade pode ultrapassar a sua de 20 anos (y)'


mas eu não vou citar teu nome aqui, nem dizer que você me enxe o saco pra fazer graça e tal.


não vou mesmo! quer saber? foda-se.




Mas é claro que tudo vai melhorar "amanhã". Já vi tanta coisa pior, o tipo de coisa que enlouquece gente que está sã. Então você vê que tem gente que está do mesmo lado que você, mas que deveria estar do lado de lá. Então você vai olhar e reparar detalhadamente e notar que tem muita gente por aí machucando os outros, por não saber como amar. Pessoas que nos enganam diariamente; então veja nossa vida, veja como o mundo está!
Mas eu sei, um dia, a gente aprende e se você quiser alguém pra poder confiar, confie só em si mesmo e acredite, apenas acredite e se esforce pra alcançar.




- aprenda:
garotos nunca dizem "não".


garotos bacam espertos, mas perto de uma mulher...são só garotos.


mas existem mulheres que sempre levam você pra onde elas quiserem.


E todo mundo sabe que o amor nos torna patéticos!
Dizem por aí que o amor é "cristão" e sexo é pagão; que amor é divino e sexo "animal" que é a nescessidade apenas, mentem às sua própria consciencia de que o amor é para sempre, e enganam-se que amor sem sexo é amizade, mas é fato que sexo sem nenhum sentimento é só vontade.


Sexo? vem dos outros, mas vai em bora.


Já o amor vem da gente, e demora.




-



a propósito, você não faz mal não; mas sua amiga é bem mais legal.

encontrei alguém que me ama, fique em paz com sua fulana.

a vida tem disso né?! no fim, tudo faz sentido.

então, até mais; e não adianta olhar pra trás, eu encontrei mesmo alguém que me ama, vá ficar em paz com a sua fulana.

E, tchau pra você :*




Falei, falei, falei; e não falei nada :)




bom domingo :*

se você não está preparado para saber, não ache ruim eu ter lhe omitido.


Sei que um dia vai lembrar

o tanto que eu te quis

eu sei, você vai ver.


Mas, eu tenho que aceitar,

viver sem teu olhar;

não posso resistir.


Sei que um dia vai lembrar

o tanto que eu te quis

eu sei, você vai ver.


Mas, eu tenho que aceitar,

viver sem teu olhar;

não posso resistir.


Vem pra perto de mim,

faz o tempo parar,

faz tudo acontecer;

vou te fazer carinhos até o amanhecer.


Te espero no farol,

pra ver o sol se por.

Fazer denguinho,

fazer declaração de amor.


Te espero no farol

pra ver o sol se por.

Fazer denguinho,

fazer uma canção de amor.


Isso é falta de criatividade e vontade de postar ;x

E como essa música de algum jeito me lembra... postei :*

por enquanto é isso :D
bgs :*

quarta-feira, 13 de maio de 2009


Querer tudo ao mesmo tempo não é coisa de criança.


Frio na barriga ou segurança?

as vezes a gente põe um ponto final nas coisas porque não tem certeza se amamos a pessoa que temos conosco, sentimos gostar muito desta mas além de tudo sabemos o quanto esse outro alguém nos ama incondicionalmente a ponto de perdoar tudo; traições, brigas, erros... só que o que fazer se não sentimos pelo outro o que sentimos comumente? se quando estamos com essa pessoa falta aquele friozinho na barriga; falta paixão.
Esse alguém te dá segurança e mesmo depois de um bom tempo longe deste não encontramos ninguém que se compare com tal. Então vieram me perguntar: "Se eu deixasse a necessidade da paixão e quisesse voltariamos e casariamos (rs). Mas e depois? e se eu acabar errando depois de casar? Esqueço; ou me caso?" :x

Sabe o que eu acho? acho que tudo depende do que cada um está buscando; se quer alguém que lhe dê segurança, já sabe o endereço, assim como sabe que não consegue ficar sem o tal friozinho na barriga.

Mas acima de tudo, assim como eu fiz, acho que você também deveria, esqueça a idéia de que uma unica pessoa te dê tudo: segurança, companheirismo, cumplicidade, risos, aventura, tesão, orgasmos multiplos e ainda pegue suas contas; porque definitivamente isso não existe, é fantasia demais na mente do ser humano. Um dia todo mundo percebe esse fato e faz uma opção, que tem muito a ver com o momento de vida em que se encontra. Aventuras são boas; na verdade são MARAVILHOSAS, porém insustentáveis. Segurança é bom, mas as vezes entedia...
Enfim, é a partir daí que descobrimos a vida adulta! :*

quarta-feira, 6 de maio de 2009

Life in my house

um lixo :)
pais e mães preconceituosos são um saco; eles leêm algo no jornal, discordam e ao ouvirem minha opinião passam um puta sermão; eu mereço mesmo, eles não são mais crianças pra saberem que todo mundo tem direito de se expressar, eu hein; que pé no saco :S
mas enfim, fora isso a vida é linda e o mundo é gay *-*
-mentira-

outro dia eu parei pra pensar no meu intercâmbio e me bateu um puta medo da saudade; medo da saudade? é.
mas isso é assunto pra outro post :)
eu tenho vontade as vezes de matar todas minhas aulas pra ver se eu alivio na rua o peso que carrego em casa; é tão dificil aqui, é tudo tão mais complexo quanto aparenta ser e meu unico desabafo é estar aqui até altas horas nesse computador digitando nesse blog que provavelmente ninguém lê :)
o que por um certo lado é bom .-.
eu fico mais tranquila em saber que nem todo mundo sabe dos meus problemas o/ KMLKSAMKSAM

quem vê pensa que eu sou depressiva, mas tudo bem. Hahaha
por hoje é só; eu acho.
talvez eu volte, quem sabe ;)
beijos :*

terça-feira, 5 de maio de 2009

Atitudes mudam o mundo sim ! *-*



Sabe; é por isso que eu amo tanto esse Jô cara; ele é fora de sério!
Ninguém melhor que ele pra ter questões tão abertas *-*
É de fato uma pena que nossos pais as vezes dizem que não têm tempo pra televisão e não ficam acordados pra ver o programa dele.
Quem sabe um dia; quem sabe :*
http://www.youtube.com/watch?v=iFpQZ7cXc2Q

E viva o Gordo o/


- e agora eu vou postar em preto; bem baiano o blog *-* MSALKMLKSAMLKMSA <3

domingo, 3 de maio de 2009

mudei !

é mudei; vou ser revolucionária
louca; punk; roqueira, sei lá; mas vou mudar -q
vou nada, relaxa - rs
tá que eu não tenho mais o estilinho de sempre, aquela coisa cansativa de ser sempre a mesma janaína, a gente cansa né? nossos olhos cansam de ver sempre a mesma imagem no espelho :)
um dia eu ainda corto mais meu cabelo, um dia eu ainda crio coragem e convenço minha mãe e me deixar colocar um piercing na boca, mas um dia, só um dia. Hoje não, agora não; to com preguiça, sei lá; não é a hora entende?
Já mudei muito esses dias, to saindo, me acabando, to curtindo, me adorando, mas ta a mesma coisa de sempre, ah sei lá :}
talvez eu canse logo e volte a ser eu, mas por enquanto esse negócio de ter o meu estilo melhor definido tá sendo foda! :D

caralho, sei lá eu to com uma puta vontade de contar um monte de coisas pra vocês mas eu to sem inspiração --'
acho que roubaram ela de mim :/
mancada u.u'
vou contar uma coisa idiota e engraçada e demente e... e... é e.. e ponto! MSLKAMLKSAMK
eu tava pensando né; como é ruim a gente ficar sem sutiã; é uma sensação de excesso de liberdade ja percebeu?
aquele negócio todo de peitos caindo, a sensação de que tão empinados demais ou encostados demais; é estranho assumam! LKSAMLKSAMLKMSAKM
então pensa só; num tal blog eu li ...

la estava ela toda linda e alegre caminhando contra o vento, sem nenhuma preocupação e sem nem se quer um sutiã! (devia ta péssima KMSLKMSAKM )
sabe aí eu paro pra pensar, dizem que sutiã com blusa de costas cavadas fica feio e coisa e tal então todo mundo decide usa aquela coisa toda MELOSA E MELEQUENTA daquele... aí é um troço de silicone sei lá do que aquilo é feito, que coragem é o que eu diga... meeeu deeeus como pode uma pessoa usar aquilo?! aquela sensação HORRIVEL de peitos caídos e aquela meleca COLANDO em você; fora que na hora de tirar quando voce chega da festa PUTAQUEPARIU cadê a comodidade?
eu ainda vou optar por muito tempo pelo top bááásico!
entao; voltando ao assunto das mudanças, que tal mudarem aquilo? PARA O BEM DA HUMANIDADE FEMININA! --'
enfim :)
falando de mudanças; quando eu tiver um tempo sobrando eu venho mudar o layout do blog oooooooutra vez, e vou por música nele também, e eu cansei de postar em azulzinho, acho que vou começar a postar em vermelho, o que acham? acho uma merda também, mas é que eu enjoei tanto de um monte de cores .-.
e preto jaá ta a letra do meu msn porque eu não aguento mais as outras cores de letra; ah eu enjoeei de tudo; to gráida, só pode, que merda. Jajaá enjoo da minha mãe e mando ela sumir também né -qq pqp'
bom é isso :)
nada produtivo, mas só pra passar o tempo .-.
beijos me liguem um dia; hoje não porque eu enjooei de celular hoje 8)
umkisses -q

tosco :)

é deu vontade de escrever com vermelho agora o.O
na verdade deu vontade de fazer mudanças
ah eu quero postar :/
mas não tem o que postar ¬¬
to sem idéias; que merda u.u'
eu devia postar o texto que eu não acabei pra Lih
mas sem acabar eu nao posto
e eu to com preguiça de tentar terminá-lo
ah quer saber? eu vou ficar mais um tempo aqui atoa sabe :)
quem sabe não me vem alguma idéia :D

um poema? -N
sobre o silicone? -NN
ah não sei; outra hora eu volto com alguma história iidiota -rs
bgs :*

quarta-feira, 29 de abril de 2009

magnifica e dolorosa.

Hoje foi uma tarde difícil, cansativa, animada, desesperadora.
Sabe então eu olhei pro céu no unico momento em que tive oportunidade, e ele ja escurecera, era noite, quase noite; por volta das 18:30, as pessoas estão na rua, alguns manos atrás de um birico mais barato, algumas minas atrás de programa, noite dificil, noite bem dificil.
Então os homi colam e detonam o bangue; cadê a graça? É a periferia pela qual passei, vi gente caminhando com mp3 e sendo roubado, vi menina sorrindo num abraço apertado, vi garoto declarando que queria namorado. Sem preconceito, o mundo devia ser sempre assim, mais tranquilo.
A gente vê tanta coisa e nem se assusta mais, vê pastor que mata um escravo do crack pelo fato de que sua filha "pura" decidiu se engraçar com o moço, e o errado era ele; agora morto. A gente vê muita midia corrompendo cérebros, vê muita droga passando de mão em mão, muita gente orgulhosa, gente sem alma, sem coração. Ninguém no país é patriota, o imposto de renda é uma roubalheira da porra e não é utilizado pra absolutamente nada a não ser corrupção, dia após dia a gente vê deputado enrriquecendo, senador comprando jatinho particular e o povo todo se fudendo como sempre; engraçado né? Cada dia mais merda e a gente aceitando, sem patriotismo nenhum mesmo, brasileiro já perdeu quase toda fé que tinha e pra muitos por aí, ser pobre é viver no inferno. Compreensivel? talvez, é injusto o que eles sofrem, mesmo.
Então estava eu em uma quase noite, voltando pra casa em meu próprio silencio, pensando no que temer, o que fazer, olhando pela janela de um onibus que estava quente, um onibus lotado, mas pelo menos consegui um lugar pra poder sentar, foi bom, foi péssimo, tive nauseas o caminho, notei um senhor conhecido de meus pais trebado sentado ao meu lado, apavorou-me; um homem tão religioso, jogado agora à podridão, onde vai parar esse inferno?
Mas eu continuei; o onibus fez várias paradas, nada tão estranho, mas minha volta não foi comum, senti coisas diferentes, me senti amadurecer nesta tarde, foi estranho, foi horrivel, foi maravilhoso. Quem sabe um dia eu não encontre algo que me deixe na espectativa e tenha mais fé na sobrevivencia das pessoas. Tive compaixão por muitos, amor por poucos, paixonites que juraram ser eternas e hoje nem se quer por mim são lembradas; apaguei muito, deixei somente o nescessário, o reciclavel e hoje eu sei o que todo ser humano quer ser... aceito
.

terça-feira, 28 de abril de 2009

é bem como acontece ;)

Simples;
como o vento.
Perdida;
no meu próprio pensar,
querendo não querer
querendo lhe falar
minh'alma grita,
estando agitada
e eu tentando-a calar.
Quem sou eu?
D'onde vim?
Porque estou?
Porque sou?
Pra que ser assim?
é a vida meu caro;
dói a ferida meu caro;
é eu sei como é duro.
É viver sem sonhar
é temer o amar
e assim vou vivendo
querendo não querendo
sofrendo ardentemente
e o teu sorriso cada vez mais envolvente
me traz
satisfaz
é assim rapaz;
que meninas passam a ver meninas com outros olhares;
enfim.

segunda-feira, 27 de abril de 2009

sobreviver.

Quantas vezes já prometi pra mim mudar?
Quantas formas existem de se amar?
Bom, nada tão util outra vez :~
Primeiramente Oi; não que alguém leia pra eu cumprimentar, mas sim, Oi.
Assim, transgredir, assumir, tudo é tão fútil; acho que você deveria ver que não precisa assumir nada pra ninguém você precisa se assumir consigo mesma, ser e pronto; eu repassando uns arquivos na memória parei pra pensar e noitei quantas satisfações já não dei pra tanta gente; quantos sermões já não ganhei gratuitamente de amigos meus, tudo tão inútil...
Afinal, o que a galera da sua escola tem a ver com a sua opção sexual, é eu acho que sou louca, "ah eles são meus amigos acho que deveria contar" obrigação é o caralho! Você tem que saber de si mesma e assim sucessivamente, ninguém tem que achar ou deixar de achar da sua vida, se queres viver obscuramente, ah meu caro, viva; a vida é tua.
Gosto dos venenos mais lentos, das bebidas mais quentes e dos dias mais frios; o venenos lentos pra sentir a minha morte, as bebidas mais quentes pra queimar todo mal que pode haver, e os dias mais frios pra entrar em conflito com os dias de calor, dias que me infernizam pouco a pouco torrando tudo o que tenho a pensar; não compreenda, apenas pense.
Quem sabe tudo mude, quer dizer, quem sabe eu mude, siiiim; porque eu, é, eeeu, EU sim tenho que mudar; porque o mundo não vai mudar, as coisas tem que começar pela gente; a mudança tem que partir da gente, ninguém muda pelo mundo, todo mundo fica na esperança de ver o mundo mudar e o mundo não vai mudar enquanto a gente não mudar; as coisas tem que partir da gente sim!
Então eu vou mudar, ou não, talvez o meu jeito de ser já possa ser suficiente pra mudar o mundo, pra mudar o MEU mundo, porque cada um tem a sua vida mesmo com a mania de viver a dos outros, sabendo o quanto é inútil viver a vida de alguém, porque se é a sua vida é você que tem que viver e mais ninguém, então aprenda a viver, ame cada um da maneira que for necessário; porque nunca vamos conseguir amar uma pessoa do mesmo jeito que amamos a outra; cada um é diferente, cada pessoa tem um modo de viver e nós aprendemos a amar o jeito de cada um, o que é magnífico sentir; magnífico viver.
Eu tenho muito pra contar; mas fica pra outra hora; é tarde preciso ir; tenho minha vida pra tentar viver, e muito tempo pra pensar no que dizer/fazer.
Não sei me explicar, nem ao menos consigo me entender; é assim.
No mais, estou indo em bora :*

Pra alguém muito importante que nem conhece a existencia do meu blog.

Sabe; hoje eu descobri
o quanto é importante pra mim falar com você
o quanto você faz falta
e o quanto era diferente o passado
a gente era tão próxima
mas tudo bem;
pelo menos você aceitou numa boa
e o seu rosto todo menininha é tão cheio de encanto
o sotaque; ah seu sotaque *-*
cara, você é tão importante pra mim
fora de sério.
E nada, nem nenhum outro
substitui o teu olhar, os teus olhos verdes
que tanto me encatam e completam tão bem
a personalidade inigualável e admirável
que só você tem.
Insubstituivel: não há como lhe descrever :)
Ju (:

preciso descobrir meus próprios dons.

Gostaria eu de ser comum e ser aceita, gostaria eu de sorrir para o mundo e ser questionada e não apenas observada como um monumento, uma estátua, indigente.
Me perdi em minhas memórias eaqui estou, como água que escoa pelos vidros abertos, como o ar que passa ligeramente e despercebido dentro de tubulações, dentro de mim, da minha alma.
Alma minha que desconheço, alma tua que eu esqueço o quanto perturba o meu ego.
Mas meu ego perdera sua razões e perdeu-se em meu mundo e em meu próprio tempo, então porque ainda existo? Talvez como complemento, com uma vida sem graça de quem acha que é notícia, de quem pensa que traz progresso, e sabe; na nossa terra tem gente que assimila toda e qualquer forma de expressão como um protesto.
Temos aqui um povo que o governo ensina a ver novela uma nação que não tem pra si nem um ovo na panela, a vida ingrata de quem acha que é momento.
Crise, eu só soube ter crises de adolescencia, então decidi que talvez eu pudesse crescer e desenvolver em mim uma mulher que aparentemente ja me formei, talvez minha idade nao revele meus orifícios, mas isso já não me importa o suficiente é não regredir é estar sempre a frente é ir sempre além e ser, e não apenas estar ali também.
E é questão de diferenciar-se de olhar pra ti mesmo no espelho e chingar-te até ficar cansado, até não aguentar mais ser um burro, besta um filho da puta, insuportável, mesquinho e depois ser, e não estar, viver e não só amar. Assim você conquista o mundo, assim você transgride seu pensar, muda seu jeito de visualizar a lua que colocaram pra ti no céu orando a cada momento o quanto for preciso pra que tu olhe para a mesma e sinta saudades dela.
Na verdade eu nunca te amei e eu apenas estava muito apegada a ti, e agora eu sei que tenho a oportunidade brotesca de me aproximar de quem for preciso pra mostrar o que é amor, pra ter a necessidade de ter alguém comigo.

tudo transborda no meu interior

O calor me faz pensar,
nos dias que perdi tentando me refrescar;
e nas noites que mal dormi querendo te abraçar.
Então meu mundo vai caindo;
o sono vem chegando,
acabando com minha agonia;
deixando em minha vida um pouco de maravilha
me dando um pouco de ar, um pouco de esperança.
Esperanças?
ah, as minhas esperanças;
pudera eu ainda tê-las!
mas minhas decepções doeram tanto em minh'alma
meu coração hoje queima por saber que o teu está congelando o viver
minha ida não tem volta e minha vida não tem motivos
onde está você que me completa,
porque? porque?
porque razão me fazes tanta falta?
te quero, mas desconheço-te
apenas quero o que não vejo;
sou apaixonada por ti,
e simplesmente não sei se tu existes.
o calor me faz lembrar,
nas noites que mal dormi
pensando muito em ti
sem saber da tua existência.
(Seria esta minha doença?)

domingo, 26 de abril de 2009

Eu sei que não é interessante, mas tem coisa que vale a pena de verdade a gente sentir e não só ler.

Tantos dias iguais, tantos dias em vão, tantas noites chorando, chateada com o mundo, com a vida, meus dias eram melhores eu acho, não sei, não me lembro muito bem, mesmo triste eu tava feliz, e eu acabo sempre acreditando em ilusão, mas o grande mal que eu fiz foi a mim mesma! Sei lá; não tente entender, nem compreender, mas não me evite, talvez conviver comigo te faça algum bem.
O mundo precisa de mudanças e eu preciso me manter estável, deixar de ser tão temperamental. As crianças precisam ser crianças, os adolescentes precisam deixar de achar que já são gente grande, os amigo tem que ser fiéis e os adultos compreensivos e eu posso estar errada afirmando tudo isso! Mas cada um tem seus desejos.
Sabe o que eu acho? que todo mundo deveria pensar melhor sobre quem é si mesmo, não sei; talvez, quem sabe o mundo tenha alguns avanços; porque sei lá, tem tanta gente inútil por ai se apresentando em palco, e tanta gente que fala tão bem que tem pensamentos tão aguçados se escondendo dentro de um quarto!
vai saber, vai entender, talvez o mundo se resuma em burrice; é isso.

Desnecessário.

Caralho! Quem sou eu no meio de tanta gente?
tudo bem, ninguém é bem como eu, mas eu não pedi pra nascer e muito menos nasci pra estar aqui e perder, sei que não posso sobrar, que tenho que lutar mas as vezes dói tanto, dói demais, e eu fico observando que você pode ser até como eu, mas logo passa a ideia de que se trabalharmos juntas pode dar algo certo, sendo que eu sei que não dá mesmo :)
o que me falta? me falta abandonar a escola e rodar o mundo, viver!
fazer com que a minha vida seja a MINHA vida; um caminho publico onde todos meus amigos possam passar ou apenas o meu caminho; sozinha.

talvez eu seja mesmo uma das ultimas românticas no meio desse monte de gente, ninguém pensa mais em sentimentos cara; hoje é"você é linda, eu te desejo e namora comigo" porra; que mundo é esse? tolice viver assim, é tão sem aventura! :~
sabe o que eu acho? acho que eu vou viver até onde der *-*
vou ser livre do jeito que acho que posso ser livre; usufruir das coisas que a vida me dá; sei lá.
não gosto de parar pra pensar, isso é perder o tempo que eu poderia estar vivendo! ;)
vou crescer com meu espírito, e vou enlouquecer com isso, eu e minhas crenças; sempre.
sonho; em andar de mãos dadas em busca do nada
sonho; cantar pra todo mundo a musica que diga tudo o que eu preciso dizer pr'aqueles que precisam; necessitam me ouvir.
sou; desnecessária, precisa, amante, não muito amada no sentido sentimental, não tenho muitos amigos confiáveis, mas tenho amigos :)
sou; extrovertida e nada pode me definir!
mas sabe que ser assim é melhor que ser um devedor nas contas do amor!
eu prefiro atravessar um deserto, nas noites frias de luar e no calor infernal do sol; do que dar o braço a torcer; orgulhosa? talvez, depende do que você pensa sobre mim, se você me conhece direito! eu amo o que não vejo, eu amo o que não existe eu não consigo desabafar, não consigo me explicar, eu sou assim e não quero mudar, eu prefiro ser diferente e quem sabe encontrar alguém; do nada, claro que quero me esforçar pra conseguir alguém, porque ganhar alguém não tem a mesma graça!

me sinto bem, me sinto mal, me sinto indiferente; na verdade; meio carente.
enfim <3

sexta-feira, 17 de abril de 2009

delicia de viver ;9

eu não tenho rumo não! nem assunto KMSALKMSALKMSALKM
porque eu escrevo aqui? pra talvez mudar alguns pensamentos; conceitos ;x
afinal... "ADQUIRA CONCEITOS & NÃO PRECONCEITOS" *-*
me visto do meu modo pra poder andar na rua; mas dentro de casa ando nua; nao ligo pra o seu pensamento, é o meu estilo, é o meu modo; algum problema?
edaí se eu disser que menino tem pegada e que menina dá carinho? ;x

como eu sei? todo mundo sabe ;~
é meio lógico que eu prefiro doce do que salgado; combina mais comigo o perfume forte do que o adocicado, tanto porque perfumes doces demais sinceramente não me atraem :S
eu vou atrás de cada pedacinho meu de chão e as minhas festas? MEU DEUS! QUE FESTAS (6)'
não vem ao caso; sim eu prefiro uma festa à uma viagem, sim eu prefiro intercambio à morar com meus pais; gosto mais de maracujá do que limão e mais de beijo do que chupão u.u'
enquanto é festa prefiro a paixão; mas se for pra ficar carente, prefiro amor *-*
e assim vai entende? eu tenho minhas preferencias, é a minha gangue minha sina, e aqui sou eu UMA MENINA ;)
porque? porque ? porque? porque ? porque? pelo amor de deeeus; porque?
não diria porque ;x mas sim por quem, por qual motivo e eu te digo, por prazer eu sou assim, eu vivo do jeito que eu gosto sou feliz sendo nervosa e cada manhã, cada dia ao abrir os olhos e acordar significa RENASCER! *-*
música? ME FAZ DELIRAR, meu corpo ADORA folia :xx' KLMLKSAMLKSMALKMSA
micareteira? até morrer (YN)'
curto pop; rock; funk; mpb; pop rock; se duvidar rola aqueeele sertanejo, e aii vem o mais deliciioso que é sentir aquele fervo, sentir seu coração pular e sentir o calor do povo, aquele agarra agarra sem medo, o povo na maior folia, mistura louca de paulista com a bahia, vem meu axééé o/o/o/o/o/ é paixão, é amor pela música, sem dúvida! E concerteza rola aquele trance; o psy de baaase; full on, house simplesmente pra você sentir, bater vibrar e sentir seu corpo reagir de acordo com o som que as vezes você nem escuta; apenas sente aquele tesão de continuar lá!!!
e é por aí que vai; homens são de marte e mulheres são de venus e cada dia mais por estes me enveneno :9
não é ilusão é MARAVILHA do que existe! *-*

o paraíso da rua

além mar! *-*
meu paraiso é a rua, é sair durante os meus finais de semana e encontrar os melhores abraços; os mais sinceros sorrisos e claro, aquelas pessoas que me motivam a crescer sem ter nenhum preconceito comigo! :D
coração? além mar *-*
como amo; como adoro e venero esse amor, coração, além mar *-*
pense! como é bom ter respeito, assim você vira meu confidente e eu guardo você comigo no peito *-*
é sempre por uma foto que saudade aumenta né?! :D
mas não vale a pena esquecer as pessoas que te importam de verdade; quero tanto avisar que sinto falta do "colo" dos meus MELHORES amigos, porque eu preciso tanto deles! Eles me respeitam e me amam tanto; e eu sei disso!
andei escrevendo coisas sem nexo né? :x SAMLKMSALKMSA
não tenho medo de falar aqui o que eu penso ;)
não vale a pena me esquecer, porque se EU me esquecer quem é que vai se lembrar de mim? ;x
quando eu chego agito aquela multidão, e reuno a galera no salão! Fazendo com que geral olhe a gente dançar ;x E você de longe olhando meu jeito; será que você tem chance pra dançar comigo? Mas sua timidez não te deixa encostar; então chama essa patricinha aqui pra dançar junto com a sua galera sem parar! Mas não me deixa perceber se eu der um fora em você! ;x
CHAMA AQUELA MENINA QUE TEM CORPO DE MULHER DE PATRICINHA; MAS CHAMA A PATRICINHA PRA DANÇAR! KSMALKAMSLKMSALKMSA ;)
~ rapazzola! *-*
acredita em anjo? >.<' eu tenho os meus :*

quinta-feira, 16 de abril de 2009

A morte - se eu me deixar;

sabe; hoje eu parei pra pensar, e quando eu deixar o mundo?
porque eu tava aqui numa boa pensando no meu melhor amigo, ele tinha tantos projetos pra vida e eu o perdi, e aí me veio a mente; e quando for a minha vez? e se for amanhã? se for daqui a um mês? ou se durar mais muito tempo, pelo menos eu quero deixar claro o que tanto me fez bem até hoje, mesmo que eu não diga tudo o que tenho a dizer sabe?!
penso todos os dias que cada minuto que passa é um modo melhor de se viver; o mundo gira tentando colocar tudo em seu devido lugar, mas quem sou eu agora? quem fui eu ontem? eu não sei :~ sou um pedaço de mim formada por pedaços de vocês! ;x

como eu disse à Tati; eu não quero ser enterrada nem cremada, se for pra morrer quero ser congelada u.u' KSMALKMSALKMSA se for pra fugir que seja pra um lugar onde eu me divirta e não passe fome, claro (H)' KAMLKMSALKSAMK.
AAH cara, meus pais nunca foram os melhores do mundo sabe?! mas eu os amo, muito >.<'
pode nao parecer diante das minha atitudes, mas é o que eu escolhi pra mim e as pessoas não sabem respeitar e fica foda! Não é claro que eu nunca fui a pessoa mais tranquila do mundo, eu gosto de viver a vida com intensidade e contrario todo mundo pra fazer o que EU quero ;x
sei que isso é errado poxa; mas o que eu posso fazer se é o MEU desejo? ;x
meu sonho? por mais que dêem risada eu sempre quis cantar ! EAEW? u.u' MASKMSALKM
ok ok parei ;x ~ AAH eu queria era fazer uma faculdade; eu quero é viver!
passar no vestibular da unesp, conhecer MUITA gente no curso de relações internacionais, arrumar um PUTA emprego e ser feliz com o que faço! ;)

porque trabalho quando a gente gosta não é trabalho! :DD
não que eu seja a mais estudiosa da sala, mas eu não quero mesmo ser, tá que as vezes é ruim o desespero de não ter uma boa nota; mas fazer o que, a gente não gosta de tudo o que faz né?! Mas um dia eu vou crescer, um dia eu vou ter 18 anos e tentar ser um pouquinho independente; um dia. E depois eu vou dizer que eu nunca fui de ter uma cor predileta, e além de tudo comentar que eu nunca fui a criança mais legal nem a menina mais bonita da sala de aula; eu sempre fui a gordinha *-* mas nunca achei isso ruim demais, todo mundo me aceitava sabe?! :)
então; aí quando eu estiver virando GENTE GRANDE, não que eu não seja grande -q KMAKLSMLKSAM. Mas quando eu tiver me formado e tal; eu quero olhar pra esse meu PASSADÃO e brisar muito e rir MUITO com ele, vendo que o que eu estarei sendo lá na frente pode não ter sido o que eu sempre planejava aqui sabe?! A vida as vezes é tão injusta, mas eu vou lutar tanto pela minha liberdade! *-*
Vou olhar pro meu passado e lembrar o quando a Gabi me enxia o saco na sala de aula; o quanto a Alita era mandona, o quanto a Inara me acobertou quando eu fui pra boate, o quanto eu e a Brub's ja fomos confidentes, o quanto eu gostei do Léo na terceira série KMALKSMSALKM. Quantos "quantos" né?! tantas lembranças *-*

Sabe pensar que cada um daquela sala é um pedacinho de mim e que até o Castro, um puta dum mala as vezes colabora comigo o/ ASMLKSAMLKMSA
Parar e refletir o quanto e sempe conheci MEIO mundo, e o quanto MEIO MUNDO era pouco pra mim porque eu sempre gostei de conhecer O MUNDO INTEIRO! E um dia sonho em sair daqui e conhecer todos os lugares e falar todas as linguas pra falar com todas as pessoas, sabe; eu sei lá o que eu quero! *-* E se não der tempo enquanto vida; eu vou viajar o universo com as minhas poucas crenças e viver em paz, sem continuar vivendo! Então eu talvez saiba quem vai chorar por mim, quem fará as melhores festas quem vai sentir saudade e eu vou estar sempre ouvindo todo mundo, porque é essa a visão que eu tenho do fim da vida ? usahuihsa sei lá, pode ser tão surreal, mas pra mim ta bomassim, ta até legal .-.
eu quero é ser feliz e se tiver que chorar eu choro e se tiver que sorrir, sorrio e assim vai, eu vou vivendo em função da vida, porque isso é bom e ruim DEMAIS!
Mas só de estar aqui e conhecer todos vocês é MAGNIFCO! ♥

segunda-feira, 13 de abril de 2009

Nem todo mundo se importa

nem todo mundo dá moral pra conselhos, nem todo mundo se dá bem na vida.
não é qualquer um que os antipáticos cumprimentam e não é qualquer uma que os frescos "pegam".
eu sou a favor da liberdade entende? "qualquer um" ou "qualquer uma" NÃO EXISTEM, existe o tipo que faz o SEU TIPO e o tipo que NÃO faz SEU TIPO compreende? então a "gostosa" pra você pode ser a "qualquer uma" do seu amigo; pense nisso.
acho que a crise mundial não é culpa do povo então eu quero que os malditos e corruptos governos se virem pra concertar o que fizeram. Não que o povo não possa ter tido participação mas... afinal, porque é que eu to falando de crise? Ah claro; porque adolescentes vivem em crise, porque os pais não os compreendem corretamente, porque nenhum adolescente tem conhecimento de nada, ninguém lê, só vivemos cheios de "stress" e somos um "bando de chatos e viciados em computador" é sempre assim, só que eu não vou me conformar, não vou tomar posição sedentária disso, se eu tiver que contrariar e mostrar que sei falar sobre muitas coisas SIM EU VOU CONTRARIAR porque ser transgressor, transgredir FAZ SIM TODA A DIFERENÇA!
então talvez nossos pais pudessem ser mais compreensivos, depois talvez eles pudessem aceitar alguns defeitos de seus filhos e notar que muito do que seus filhos são, são defeitos de si próprios!
não herdamos apenas características físicas, erramos também, claro; pra eles nossos erros são sempre piores porque a nossa geração é o tipo "desocupado" e que aceita "coisas absurdas"; na verdade nossos erros são os mesmos que os deles só que no nosso tempo, antes eles fugiam pra ir em jogos de futebol, hoje eu prefiro fugir pra ir em uma boate ;) e assim caminha a humanidade - COM PASSOS DE FORMIGA E SEM VONTADE :)
não vou dizer o que é ruim e realmente, nem tudo é tão bom assim; não, nossos pais não querem nosso mal, mas querem sim nos controlar :~
por fim; deixa pra lá, são só pensamentos mesmo .